quarta-feira, 30 de maio de 2018

POLÍCIA CIVIL PRENDE IRMÃOS SUSPEITOS DE ASSASSINAR A MADRASTA EM SÃO JOSÉ DE RIBAMAR


Na manhã desta terça-feira (29), a Polícia Civil do Maranhão representada pela Delegado Geral de Polícia Civil, Leonardo Diniz; o superintendente da SHPP, Lúcio Reis e pelo delegado Cláudio Barros, apresentaram os irmãos Ana Paula de Jesus Silva e Samuel de Jesus Azevedo, suspeitos pelo crime de homicídio duplamente qualificado.

A prisão foi coordenada pela Superintendência Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP) da área Leste, o inquérito policial instaurado para investigar o homicídio em que figurou como vítima Maria Madalena Costa, ocorrido em fevereiro de 2017, no bairro Piçarreira, São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís.

De acordo com os primeiros levantamentos realizados pelo Plantão da SHPP, a vítima foi brutalmente assassinada a golpes desferidos com um facão, um pedaço de madeira e uma grande pedra. O crime ocorreu dias depois do falecimento por causas naturais do pai dos suspeitos, pois os irmãos passaram a ter a vítima por desafeto em razão de disputas por bens da herança.

Após longo monitoramento, realizado pela Núcleo de Inteligência da SHPP, descobriu-se que o casal de irmãos estava morando na cidade de Mauá, em São Paulo. Foi, então, formada uma equipe chefiada pelo delegado Cláudio Barros, que realizou a prisão de ambos os irmãos naquela cidade.

Foi pedida a prisão preventiva dos irmãos homicidas, que foi deferida pelo Juízo da 1ª Vara Criminal de São José de Ribamar. Após autorização do Poder Judiciário, o recambiamento dos presos foi feito e os irmãos homicidas encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas.
Anselmo Oliveira – Ascom SSP

Nenhum comentário:

Postar um comentário