segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Fraudadores se mantém em silêncio durante investigação sobre a fraude no concurso da PM

Os dois homens são da região da Mata no interior de Pernanbuco. Eles foram presos ontem, domingo, dia 17,  quando fraudavam as provas do concurso da Polícia Militar do Maranhão. A prova deles estava sendo feita na UEMA em Caxias.
Os suspeitos já haviam respondido algumas questões e estavam recebendo as respostas pelos celulares, que estavam escondidos debaixo das pernas de cada um. A polícia investiga também como eles entraram com os aparelhos na sala por causa de detectores que foram usados na entrada.


A dupla permaneceu o tempo todo calada durante a investigação.  Durante a semana que antecedeu a realização da prova, supostas provas circulavam em grupos de mensagem eletrônica, mas foram descartadas como fraude pela organizadora do certame, sendo consideradas tentativas de tumulto. 
Fonte: Blog do Luis Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário