cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

domingo, 29 de outubro de 2017

Mais um homicídio registrado na cidade de Bacabal-MA, mais Policiais Militares do 15º Batalhão prendem o acusado

Siqueira Campos de Oliveira de Araújo, de 43 anos de idade, morador da Rua Maranhão Sobrinho, centro, na cidade de Bacabal foi assassinado a golpes de faca, por volta das 17 horas, do dia (28), em um bar localizado no cruzamento das ruas 10 de Novembro com Filomeno Parga, bairro, Esperança, em Bacabal.
Segundo informações repassadas pela polícia, Siqueira bebia em companhia de um irmão de nome Luís. No local também bebia o acusado, identificado como Wildson Leitão Gomes, de 30 anos, morador da Rua José Bonifácio, bairro,  Esperança, Bacabal.

Que os três bebiam no citado local quando, repentinamente, houve um desentendimento e que Luís, irmão de Siqueira, que foi morto, teria agredido Wildson com uma faca. Wildson teria reagido e conseguido tomar a faca de Luís e após desarmá-lo, investiu contra Siqueira, aplicando no mesmo uma profunda facada na parte abdominal, lado esquerdo. Siqueira morreu no local. Na cintura da vítima foi encontrada uma faca.

Ao ver o irmão morto, Luís teria corrido para pedir auxílio a parentes, enquanto Wildson tratou de fugir do local, mesmo ferido. Devido aos ferimentos Wildson acabou caindo na 2ª Travessa Tavares de Moura, sendo socorrido por populares que acionaram o SAMU e a Polícia Militar.

Acusado
Segundo informes, quando os parentes da vítima tiveram conhecimento que o acusado estaria caído na citada rua, foram até o local, porém, a polícia militar já se fazia presente, evitando qualquer ação dos parentes. A viatura do SAMU foi escoltada até o hospital Regional Laura Vasconcelos, onde, Wildson foi atendido e constatado que não corria risco de morte foi preso pela guarnição da polícia militar e apresentado na delegacia do 1º Distrito Policial para os trâmites que o caso requer.

Quando a viatura do SAMU que era escoltada pela polícia militar chegou ao hospital, alguns parentes da vítima estavam presentes. Porém, a integridade física de Wildson foi garantida pela força policial.
Todas as informações estão sendo investigadas pela polícia civil para um relatório completo sobre o que realmente aconteceu.

Participaram da ação o Sargento PM Valdeci, os Cabos PM Lucena e Vieira e o Soldado PM Alves.
Fonte: Blog do Andre Araujo

Nenhum comentário:

Postar um comentário