terça-feira, 26 de setembro de 2017

Polícia Civil cumpre mandado de prisão em Açailândia.

 A Polícia Civil comandada pelo DELEGADO REGIONAL MURILO LAPENDA através da equipe de investigadores: WALLACE, FRASÃO E PAULO BIGODE prenderam, em cumprimento a mandado de prisão preventiva, na manhã desta terça-feira, 26 de setembro/2017, em Açailândia, ANTÔNIO SILVA COSTA 28 ANOS (PEDREIRO), acusado do crime de ameaça no âmbito da violência doméstica e familiar.
O titular da 9ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Açailândia, DELEGADO MURILO LAPENDA, explica que a ordem de prisão foi expedida pela Justiça em decorrência de registro de ameaça feito pela vítima na Polícia Civil do município. O Delegado Regional aproveitou para dar boas notícias para a população Açailandense, existe uma promessa da CÚPULA DA POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO de uma vinda de 2 duas equipes de policiais civis para atuar nos processos atrasados, em decorrência da falta de delegados.
Essas duas equipes, cada uma composta por um 01 DELEGADO, 01 ESCRIVÃO E DOIS 02 INVESTIGADORES passariam um mês no município. E vai ser um período totalmente direcionado a tramitação e agilização de inquéritos que continuam parados, e há também a previsão da vinda de uma DELEGADA DA MULHER para permanecer em Açailândia. Dr. Murilo reforçou que está respondendo interinamente pela delegacia da mulher, em suas palavras disse que é uma delegacia que tem que ter muito cuidado e carinho ao lidar com as vítimas, ter atenção também, e não pode deixar de dar andamento, tanto nos inquéritos, como nos pedidos de prisão que são realizados.
Com base na ocorrência registrada, o que configura crime de violência doméstica e familiar, previsto na Lei Maria da Penha, houve representação na Justiça pela custódia preventiva do acusado. Ele viveu maritalmente com a VÍTIMA, passou um tempo fora da cidade e depois retornou para o município, e nesta volta forçou uma coabitação com a ex-mulher contra a vontade da mesma, que diante da situação procurou a delegacia e fez a denúncia, além das agressões que ela sofria e ameaças, e a partir daí o PODER JUDICIÁRIO requisitou a prisão preventiva do homem, e a equipe policial fez o cumprimento do MANDADO DE PRISÃO HOJE.
Fonte:Blog Folha de Cuxá 

Nenhum comentário:

Postar um comentário