terça-feira, 29 de novembro de 2016

Oportunidade: leilão de bens móveis será realizado nesta quarta-feira, 30 em Imperatriz

Iramar Cândido, secretário de Administração
Conforme o secretário de Administração, os interessados deverão portar documentos de identificação

Mais um leilão de bens móveis será promovido amanhã (30) de novembro pela prefeitura de Imperatriz. A medida visa fazer o descarte dos bens que já não tem utilidade pra o município.  Os Lances poderão ser registrados a partir das 16h no auditório da Secretaria de Administração, na Rua Simplício Moreira, n° 1478, Centro, Imperatriz/MA.

Os interessados já podem consultar o edital para se informar sobre os valores de cada lote, local do evento e demais critérios. O edital disponível no site da prefeitura http://www.imperatriz.ma.gov.br/ e também da Gr Leilões http://www.grleiloes.com/leiloes - empresa responsável pela realização do evento. Desde o dia 21 todos os lotes estão disponíveis para visitações.

Sobre os critérios para participar do leilão, os arrematantes e/ou interessados presentes deverão portar seus documentos de identificação: CPF e Identidade para pessoa física e CNPJ e Contrato Social para pessoa jurídica, os quais deverão ser obrigatoriamente apresentados ao leiloeiro oficial, no ato da arrematação, para emissão da nota de venda.

Conforme o secretário de Municipal de Administração, Iramar Candido a realização do leilão é medida que segue as diretrizes da Lei no que se refere ao descarte de bens públicos. No leilão anterior a prefeitura arrecadou mais de 150 mil que foi destinado ao tesouro municipal. Este ano ainda não vou divulgada a parcial. Mas o valor será menor porque o leilão atual tem poucos lotes para serem leiloados.


LOTES - No 1º lote está uma vw Kombi, placa HOO-1477. No 2º lote, um Fiat Doblô EX. placa HPZ-0247. Terceiro lote está uma máquina de pintura viária Diesel, cor amarela. No 4º lote uma Patrol New Roland RG 140-B. No 5º lote estão sucatas contendo: condicionadores de ar, monitores, CPU´s, impressoras, TV´s, cadeiras, freezers, mesas, armários, e sucatas de diversos materiais. Para Iramar, o leilão dos bens móveis em desuso, é relevante para promover a sustentabilidade, visto que a maioria dos itens são materiais recicláveis. E acrescenta “Além de promover sustentabilidade, essa ação vai gerar recursos e os mesmos serão destinados para compra de novos equipamentos”, garante. [Eva Fernandes - Ascom]

Nenhum comentário:

Postar um comentário