cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

REVOLTA: Justiça libera elemento que matou de forma cruel jovem na cidade de Bom Lugar

Será que devemos confiar na justiça?

Infelizmente a justiça comete injustiça em nossa cidade e através de alvará de soltura concedeu liberdade ao elemento identificado com “FRANCISCO DE SOUSA DE NASCIMENTO” conhecido por “NEGO DA ODETE” , que confessou que manhã da segunda-feira 05 de setembro , matou de forma cruel o jovem “DAVI SOUSA LIMA” , de 20 anos de idade, em um terreno baldio na cidade de Bom Lugar.

Não entendemos como uma pessoa confessa de forma friamente que matou uma pessoa de forma cruel e desumana receba da justiça concessão de liberdade, as informações que temos que o elemento já teria sido do estado, fazendo com que a revolta tome de conta de população da cidade de Bom Lugar e Região.

Entenda o Caso:

Foi apresentado na noite desse sábado (10) por volta das 19Hs o elemento  identificado por FRANCISCO DE SOUSA DE NASCIMENTO” conhecido por “NEGO DA ODETE” ele é acusado  de ter assassinado a tijoladas o jovem DAVI SOUSA LIMA de 19 anos no último dia (05) na cidade de Bom Lugar.

Ele foi preso por uma guarnição da Policia Militar lotados na cidade de Marajá do Sena-MA, comandada pelo o Sargento França e Cabo Sandro, nesse sábado (10) por volta das 12hs, no momento que o mesmo estava na praça da cidade esperando um caminhão que o levaria para um povoado do Município.

No momento de sua apresentação ele confessou que matou o jovem DAVI em companhia de outra pessoa por nome de MICHAEL da  cidade de Lago da Pedra, que ainda encontre-se foragido.
Perguntando os motivos pelo o qual matou o jovem ele disse: “ Matei porque estava drogado “, segunda a delegado de Plantão Dra. Fernanda o mesmo será atuado em flagrante continuo, já que as busca e perseguição ao acusado foi continua e deverá ser transferido para o presídio de Pedrinha em nossa Capital, devido sua alta periculosidade. 
Amanha o mesmo deverá ser ouvido pela a autoridade policial
Fonte: blog do sargento brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário