cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

domingo, 22 de fevereiro de 2015

CAPOU O GATO? MÉDICA QUE CORTOU PÊNIS DO EX É PRESA NOVAMENTE

A médica condenada em 2013 por mandar cortar o pênis do ex-noivo, foi encontrada pela Policia Militar na noite deste sábado na Maternidade Otaviano Neves, na rua Ceara, no bairro Santa Efigênia, região centro-sul de Belo Horizonte.

Segundo informações da Polícia Militar, Myriam Priscilla Rezende de Castro, 35 anos, estava em tratamento médico na maternidade. A PM recebeu a informação por meio de uma denúncia anonima, em uma ligação feita às 19h42. Em seguida militares foram ao local e confirmaram que Myriam estava no local. Existe a informação de que ela estava na unidade há vários dias, informou o iG.

A médica Myriam Priscilla Castro mandou cortar o pênis do ex-noivo, Wendel José de Souza, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, em 2002.

Ela era considerada como foragida pela Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds), depois de ter deixado de retornar para o Complexo Penitenciário Estevão Pinto, no bairro Horto, quando saiu para trabalhar no dia 28 de janeiro. Segundo a Polícia Militar, a escolta dos militares vai continuar até que a Polícia Civil seja notificada e se encarregue dos procedimentos junto a Seds.

A médica Myriam Priscilla Castro mandou cortar o pênis do ex-noivo, Wendel José de Souza, em Juiz de Fora, na Zona da Mata, em 2002. O órgão foi extraído com uma faca, por dois homens contratados pela mulher. A vítima, que havia terminado o noivado três dias antes da data marcada para o casamento, não morreu.


Condenação Myriam foi condenada a seis anos de prisão e capturada em Pirassununga (SP). Desde abril de 2014, ela cumpre pena no Complexo Penitenciário Estevão Pinto, na capital. Em julho, a detenta foi autorizada a trabalhar fora, mas tem que passar as noites na prisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário