cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

sábado, 20 de setembro de 2014

Balanço dos ataques criminosos: Quatro ônibus e um micro-ônibus incendiados, e uma delegacia atacada

Atentados foram registrados em São José de Ribamar e São Luís.
Rodoviários recolheram os ônibus às 15h.
Delegacia do João Paulo foi atacada
Quatro ônibus e um micro-ônibus foram incendiados neste sábado (20), em São Luís e São José de Ribamar, municípios da região metropolitana de São Luís. Em São Luís, os atentados aos ônibus aconteceram nos bairros Alto do Pinho, Santa Bárbara e na sede da empresa Viação Abreu, no Jardim São Cristóvão.

Já em Ribamar, um micro-ônibus que presta serviços de transporte alternativo, também foi queimado. Segundo o coronel Marco Antônio Alves, comandante do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) de São Luís, os ataques podem ter ligação com as recentes fugas do Complexo Penitenciário de Pedrinhas.
O primeiro incêndio foi registrado no fim da manhã, no Alto do Pinho, quando quatro homens armados entraram no coletivo e roubaram pertences dos ocupantes. Após o roubo, todos os passageiros foram retirados do veículo e o coletivo foi incendiado. Uma unidade do Corpo de Bombeiros e uma guarnição da Polícia Militar foram encaminhadas para o local. Não há informações de feridos. A imagem foi passada ao G1 por policiais.
A ação mais audaciosa aconteceu na garagem da Viação Abreu. Segundo a polícia, um grupo invadiu o local e ateou fogo em dois ônibus, que ficaram completamente destruídos.
 
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Maranhão (Stremma), Gilson Coimbra, afirmou que, após decisão da diretoria, todos os ônibus serão retirados das ruas neste sábado (20). Em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, o G1 ainda não obteve posicionamento do órgão sobre o assunto.
Os ataques podem ter ligação com as recentes fugas do Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Um outro ataque, mas a um micro-ônibus, também foi registrado em São José de Ribamar. Por volta das 14h, um grupo de jovens entrou no veículo, mandou todos os passageiros descerem e ateou fogo. Apesar de todo o veículo ter sido destruído, ninguém ficou ferido.

Tiros disparados contra a delegacia do João Paulo

Por volta de 15h30, a delegacia do João Paulo foi alvo de um ataque. Pelas informações de policiais, foram disparados quatro tiros que atingiram uma viatura e paredes. No momento do ataque, apenas um vigilante terceirizado estava no interior da delegacia, que estava fechada.

A perícia esteve no local e recolheu fragmentos dos quatro projéteis de um revólver calibre 38. As pessoas que presenciaram o ataque, não deram informações que pudessem levar à identificação de quem participou desse ataque
por GILBERTO LIMA



Nenhum comentário:

Postar um comentário