cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Preso em Pedrinhas, médico que atropelou e matou PM

Foi conduzido ao Centro de Triagem no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, nesta segunda-feira (18), o médico Marcos André Carneiro Salomão, acusado de ser o responsável pela morte do sargento da Polícia Militar João Eudes Barros Carneiro, de 47 anos.

O PM morreu neste domingo (17) após ser atropelado por uma SW4, veículo conduzido pelo médico, que trafegava na contramão tentando fugir de um bloqueio montado por agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), na Avenida dos Holandeses, próximo ao retorno do Caolho.

Marcos André estava sob efeito de álcool no momento do ocorrido e já havia sido flagrado dirigindo embrigado na Raposa, no ano passado. Na época ele não foi preso apenas multado em R$ 1.915,40 e estava prestes a perder a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em processo.


O médico oi autuado em flagrante por homicídio doloso, ou seja, quando há intenção de matar. 

Por.Luis Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário