cuidado

cuidado
Dicas de prevenção contra o coronavírus

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Mulheres costuram vagina em festa em campus da UFF, denunciam alunos


Uma festa regada a drogas, nudez e rituais de satanismo foi a atração do campus da Universidade Federal Fluminense (UFF) de Rio das Ostras, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro, na noite da última quarta-feira, 28. Estudantes da instituição denunciam que uma participante costurou a vagina de outra no evento, chamado de "Xereca Satânik". Imagens cedidas com exclusividade ao SRZD.com mostram a mulher rindo enquanto é supostamente submetida ao ritual de mutilação em cima de uma mesa. Outras fotos mostram o sangue escorrendo nas pernas da jovem após o procedimento e outra participante sendo cortada com estilete.
Um aluno da UFF, que preferiu não ser identificado, afirmou ao SRZD que a festa foi realizada nas dependências do campus de Rio das Ostras, em um prédio conhecido como Multiuso. Segundo ele, geralmente são realizados eventos no espaço mediante a autorização da reitoria. Não se sabe, no entanto, se a universidade liberou a festa nesse dia. 

No meio da festa, uma menina tirou a roupa, deitou em cima da mesa e outra costurou a parte íntima dela. Não sei se essas meninas são da faculdade. Elas têm um movimento de combate ao alto índice de estupros a mulheres em Rio das Ostras e defendem a ideia de que a mulher deve ter domínio total sobre seu corpo", detalhou o estudante, que não participou do ato, mas recebeu informações e fotos de amigos que estavam na festa. 

 "Normalmente os alunos fazem festas assim dentro da faculdade, com venda de bebidas inclusive, mas nunca aconteceu nenhum problema. O pessoal do curso de Produção Cultural tem o hábito de fazer intervenções culturais. O mais polêmico que eu tinha visto foi quando uma garota tirou a roupa e recitou uma poesia. As meninas que organizam essas intervenções são ligadas ao feminismo e sempre querem passar alguma mensagem", contou o universitário. "Soube que ela puxou a linha para desfazer a costura. Depois, ficou cheia de sangue".


Mais de 2.200 pessoas foram convidadas e 320 confirmaram presença na festa "Xereca Satânik" pelo Facebook. As organizadoras do evento se identificam como Isabelle Rocha, Pahmela Prince Metamorfoseando, Mariana Gomes Ribeiro e Antonella Abreu. Uma participante do grupo, que se identifica como Mariana Pimentel, deixou uma mensagem na página na manhã desta sexta-feira, 30: "A festa-performance foi um acontecimento estético, e dos grandes! Só me recuperei hoje! Deixo aqui um muito obrigada a todas vocês que participaram da organização e um salve especial para a querida Isabelle Rocha, que abafou!!!", postou.

A Administração Central da UFF informou ao SRZD que está tomando ciência e todas as providências necessárias para esclarecer o que aconteceu no campus de Rio das Ostras. A reitoria afirmou que vai abrir imediatamente uma comissão para apurar os fatos. OSRZD também entrou em contato com a diretoria do Polo Universitário de Rio das Ostras (UFF), mas não obteve resposta. De acordo com a delegada titular da 128ª DP (Rio das Ostras), Carla Tavares, o caso não foi registrado.


do site SRZD.com
Sidney Rezende
 Por.Gustavo Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário